Assunção Cristas lançou aquela que pode ser considerada a piada do ano ao afirmar que: “Estou a preparar-me para ser primeira-ministra

Enquanto o PSD, principal partido da oposição, se prepara para ir a votos, de modo a escolher a nova liderança do partido, Assunção Cristas vem a público afirmar que se está a “preparar para ser primeira-ministra”.

Para a líder do CDS-PP, António Costa governa para o “show-off e para a fotografia” e é “bonacheirão”, “incapaz de assumir responsabilidades” e de “lidar com a crítica”, como se ainda vivêssemos no “antigo regime”.

Ao Observador, Assunção Cristas assume que o CDS-PP está a preparar-se para “governar numa posição cimeira“, tentando ser “a primeira escolha dos portugueses”.
Após o óptimo resultado obtido nas eleições das últimas autárquicas de Lisboa, Assunção Cristas quer repetir a votação a nível nacional nas legislativas.

A ambição que colocámos nestas eleições autárquicas é a mesma que vamos colocar nas legislativas“, frisou, afirmando que Portugal pode contar com “um CDS a lutar sempre pelo melhor que puder“, reforçando a ideia de que quer governar Portugal.
“O que temos de fazer é exactamente o mesmo: trabalhar para dizer aos portugueses que o CDS está preparado para governar e governar numa posição cimeira. E estou a preparar-me, hei de me preparar, para ser primeira-ministra”.

Na entrevista ao Observador, Assunção Cristas revela também que o CDS-PP pode ser olhado pelos portugueses como “a primeira escolha”.
Temos as melhores ideias, os melhores protagonistas e as pessoas podem olhar para nós como a primeira escolha”.

Também vais gostar destes:
Espanhóis arrasam política portuguesa de combate aos incêndios.
A verdade da política Europeia é esta: eles vivem de mordomias e luxos! Um verdadeiro choque!

A deputada fala ainda sobre o momento que o atual Governo atravessa. “São reflexos de uma certa estratégia de atirar o barro à parede para ver se cola. Se colar está resolvido, se não logo se vê. Isto mostra um desmoronar de credibilidade do Governo. O Governo navega à vista, procurando o que é que melhor lhe pode servir do ponto de vista da popularidade. É uma clara hierarquia de prioridades contrária ao interesse nacional“.

Para Assunção Cristas, neste momento, “o Governo está desorientado“.
Assim é o momento de agir e preparar-se para ser uma alternativa clara, capaz de governar Portugal com toda a dignidade e respeito que todos os portugueses merecem

Loading...