Um ser humano precisa apenas de 1 banho a cada 2 ou 3 dias. Banhos diários podem causar irritação e desprotecção na pele.

De acordo com o artigo de Rachel Wilkerson Miller, alguns especialistas dizem que a nossa necessidade real de tomar banho não precisa ser tão frequente como pensamos.

De acordo com o Dr. Joshua Zeichner, professor assistente de dermatologia do Hospital Mount Sinai, em Nova York, a frequência de tomar banho e o que percebemos como o odor corporal é “muito mais um fenómeno cultural”.

A dermatologista Dr. Ranella Hirsch, de Boston, apoia o colega: “Nós tomamos muitos banhos neste país, e isso é perceptível. Uma boa parte da razão por que fazemos isso é devido a normas sociais”, disse ela.

Em relação a se faz mal ou não, sabemos que um bom banho é óptimo não só para a limpeza do corpo, mas para o relaxamento e para se sentir melhor em muitas situações. Porém, e a nossa pele, será que sofre com uma frequência maior de banhos? A resposta é sim, segundo os dermatologistas.

Os especialistas Joshua Zeichner e Ranella Hirsch dizem que tomar banho com muita frequência (especialmente com água mais quente) pode ressecar e irritar a pele, além de retirar as bactérias boas que existem naturalmente em nossa epiderme, criando fissuras de ressecamento que podem gerar infecções.

Ambos os médicos dizem que os pais não devem dar banhos em bebés e crianças diariamente. Zeichner afirma que a exposição precoce à sujidade e bactérias pode tornar a pele menos sensível à medida que envelhecemos, evitando alergias e doenças como eczema. Para eles, o ideal seria um banho a cada dois ou três dias.

Também vais gostar destes:
Mulher explode casa de banho para tentar matar uma barata.
É preciso cuidado ao utilizar o telemóvel na casa de banho.

Se tomas mais de um banho por dia, a solução então é não exagerar no sabonete, preferir opções com agentes hidratantes e ser rápido! Afinal, água hoje em dia é um bem precioso.

Loading...