O sacrifício de um gorila num zoológico em Ohio, nos Estados Unidos, após uma criança de 4 anos de idade ter caído na jaula do animal, causou revolta e levantou debates na internet. Representantes do zoológico de Cincinnati consideraram a decisão de usar força letal uma escolha dura, porém necessária.
Pesando 180 quilos, o gorila chamado Harambe, de 17 anos, arrastou o menino pela água dentro da jaula. Em seguida, foi abatido a tiros. Gorilas da sua espécie estão em perigo. Há menos de 200 mil exemplares ao redor do mundo.
A criança, que caiu de uma altura aproximada de cinco metros, não sofreu ferimentos. O incidente durou cerca de dez minutos.
Um abaixo-assinado on-line do site Change.org lançade, pede que o zoo processe os pais do menino por negligência. Até o momento, a petição recebeu 165 mil das 200 mil assinaturas previstas.
No texto, a norte-americana Sheila Hurt diz que a situação foi causada por “negligência parental”. “O zoológico não é responsável pelos ferimentos da criança e os possíveis traumas associados ao episódio. Queremos que os pais sejam responsabilizados pela falta de supervisão e negligência que resultou na morte de Harambe“, afirma a petição.
Testemunhas disseram a uma TV local que o menino expressou desejo repetidamente de entrar na área reservada do gorila. Momentos depois, ele passou por uma grade e caiu.

Manifestantes organizaram um protesto em frente ao zoológico e defenderam um boicote ao local. Para eles, a instituição teria usado “força excessiva” contra o animal.
O diretor do zoológico, Thane Maynard, afirma que o menino corria “perigo iminente” e não havia outra alternativa senão matar o animal. Ele diz que o disparo de tranquilizantes não seria uma opção viável, já que o medicamento demora para fazer efeito.
O grupo People for the Ethical Treatment of Animal (PETA) diz que o episódio é a prova de que “cativeiro nunca é aceitável para gorilas ou outro primatas”.

Também vais gostar destes:
O que acontece anos depois de um homem ter salvo um Gorila! Maravilhoso.
Único gorila no mundo que se comunica com humanos faz apelo emocionante!

Num episódio semelhante na semana passada, dois leões foram mortos depois que um homem entrou na jaula dos animais, numa aparente tentativa de suicídio.

FONTECatraca livre

Partilha