Atletas portugueses ganharam 44 medalhas nos Estados Unidos, mas como nesta comitiva não se encontrava nem Cristiano Ronaldo nem nenhum clube de topo do futebol português.
A notícia foi praticamente ignorada pelos órgãos de comunicação social. Esta situação deveria envergonhar os órgãos de comunicação social, pois a sua função é primeiramente informar os cidadãos, não só de política, de crise e dar largas horas de dedicação ao que de mal por cá vai acontecendo.

Também vais gostar destes:
Tetracampeões mundiais: Portugueses com deficiência intelectual!
Atleta ganhou 177 medalhas para Portugal. Ainda assim é desprezado e esquecido por todos!

Faz parte também das funções da imprensa nacional levar aos portugueses boas noticias como aquela que hoje trazemos a todos, sem excepção.
Foi na segunda-feira que chegaram a Portugal os 49 atletas portugueses que disputaram, nos Estados Unidos, a competição chamada SPECIAL OLYMPICS.

Estes 49 participantes conquistaram 44 medalhas sendo elas: 14 medalhas de ouro, 18 de prata e 12 medalhas de bronze. Maria Tavares conquistou 4 medalhas na competição de ginástica rítmica. Estes jogos especiais foram lançados há 50 anos, por iniciativa de Eunice Kennedy e realizam-se no verão.
Um dos irmãos de John Kennedy teve esta iniciativa para dar apoio a pessoas que são portadoras de algum tipo de deficiência. Foi em 2001 que chegou a Portugal os SPECIAL OLYMPICS e é liderado por Dias Ferreira.
Aqui deixamos os nossos PARABÉNS a todos estes atletas que verdadeiramente representaram Portugal e honraram brilhantemente a nação que todos amam e nitidamente não ganham milhões ao ano.