Trata-se de uma combinação fantástica capaz de eliminar ou, pelo menos, diminuir o cancro de mama em apenas 11 dias.

O estudo foi divulgado na Conferência Europeia de Cancro de Mama e o tratamento é simplesmente a combinação perfeita de dois remédios, o trastuzumab e lapatinib.

Essa fórmula foi capaz de eliminar o HER2 positivo, um dos tipos mais agressivo de cancro de mama. Para isso, foram utilizadas 257 voluntárias com cancro de mama.

Essas pacientes foram divididas em três grupos:

  • O grupo que não tomou nenhuma das substâncias.
  • O grupo que recebeu o trastuzumab, normalmente receitado após a cirurgia.
  • O grupo que recebeu a combinação do trastuzumab com o lapatinib.

O resultado: 87% das mulheres do terceiro grupo apresentaram redução de células cancerosas.

Em 28% dos casos, a combinação causou uma “redução significativa”. Em 11%, o tumor desapareceu completamente.

Segundo o cientista holandês Nigel Bundred, chefe da pesquisa, os tumores sólidos desapareceram dentro de 11 dias, um verdadeiro milagre!

Por isso, em muitos casos, nem foi preciso o paciente passar pela mesa de cirurgia. O tratamento é definitivamente superior e menos agressivo que a quimioterapia.

Também vais gostar destas:
Mais de 4 mil pessoas já foram curadas do cancro com esta vacina produzida em Cuba.
Professora de geoquímica, desvenda o motivo pelo qual os chineses não adquirem cancro da mama.

Os pesquisadores disseram que a descoberta pode mudar radicalmente o tratamento do câncer de mama.