Dificilmente encontramos alguém que não goste de um bom café. Seja pela manhã, depois de almoço, a meio da tarde, depois de jantar, etc. É uma bebida apetecível e confortante que para muitos sem ela, não conseguem mesmo ter a energia necessária para iniciar o dia.
Consumido em excesso pode ser prejudicial, mas segundo um relatório efectuado pela World Cancer Research Fund é também o consumo de café que pode atenuar e reduzir o desenvolvimento do carcinoma no fígado.
A pesquisa divulgada no Huffington Post e realizada tendo por base 34 investigações aponta que cerca de 14% ficam assim diminuídos para os amantes desta bebida .
A pesquisa contou com a colaboração de 8, 2 milhões de pessoas em que 24.500 tinha cancro diagnosticado no fígado. O estudo contia a ser desenvolvimento querendo os investigadores perceber quais os motivos que contribuem para que para reduzir o desenvolvimento da doença. Mas, uma coisa é certa:
O café possui na sua composição elementos que combatem as toxinas!

De acordo com o relatório divulgado: “Tanto o café como os extractos reduzem o impacto dos genes envolvidos em inflamações. E os efeitos parecem ser mais significativos no fígado”!
Vai um cafézinho para comemorar este estudo? ;)

FONTESol