Um fazendeiro do Nepal foi mordido por uma cobra e, para se vingar, ele mordeu o animal de volta. A cobra morreu, mas o homem não.

Um fazendeiro nepalês que foi mordido por uma cobra venenosa no seu campo de arroz matou a cobra ao mordê-la várias vezes.
Um hipnotizador de cobras disse-me que se uma cobra te morde, deves mordê-la de volta até que ela morra e nada acontecerá contigo“, disse Mohammed Salmodin à BBC.

As autoridades disseram que o fazendeiro não será indiciado por crime porque o réptil não pertence a uma espécie ameaçada de extinção.

Quando percebi que uma cobra havia me picado, fui para casa pegar uma lanterna e vi que era uma cobra venenosa. Então mordi a cobra até a morte“, contou.
Salmodin disse que depois de morder a cobra continuou com os seus afazeres diários, como se nada tivesse acontecido.

Finalmente, por pressão da família, vizinhos e polícia, ele concordou em ir ao hospital.
O incidente aconteceu na terça-feira em um vilarejo a 200 quilómetros da capital do Nepal, Katmandu.

Também vais gostar destes:
Conhece as 12 nações onde a mulher é mais maltratada que os próprios animais.
Conhece mais do nosso CR7. Ele vale ouro da cabeça aos pés!

Várias espécies de cobras habitam o Nepal, muitas delas venenosas.

Segundo estimativas, cerca de 20 mil pessoas são mordidas por cobras no país anualmente, resultando em por volta de mil mortes – informou a agência de notícias AFP.


 
Partilha