A teimosia já não é considerada um defeito e segundo um novo estudo, quem considera o filho teimoso, isso já não se trata de um mero traço de personalidade! As informações são do site: Tamesmobrutal.pt.

As crianças com grande força de vontade são por natureza teimosas e isso pode evitar que no futuro sigam a influência de más companhias e arranjem problemas.

O estudo que chegou a essa conclusão foi publicado na Time e seguiu vários estudantes desde a escola primária até à idade adulta. As crianças que quebram as regras e desafiam os pais têm tendência para se tornar excelentes alunos e vir a ser os mais bem pagos.

As crianças foram avaliadas pelos traços de personalidade e pelo desafio, com idades compreendidas entre os 8 e os 12 anos. Passados 40 anos, os investigadores foram investigar o que lhes tinham acontecido e descobriram que existe uma ligação entre quebrar as regras e desafiar a autoridade parental e um melhor salário no futuro.

Embora o estudo não explique a razão de existir uma correlação tão grande entre as duas situações, os autores defendem que estas crianças são mais competitivas na sala de aula, o que leva a um aumento das notas. Em adultos, vão ser mais exigentes e dispostos a lutar pelos seus interesses financeiros, sem aceitar receber um cêntimo a menos que aquilo que realmente merecem, mesmo que acabem por irritar os colegas e amigos.

As crianças com força de vontade defendem aquilo que acreditam mesmo que não faça sentido e tentam consegui-lo a qualquer custo. Estas crianças têm tendência a fazer o que está certo e não a seguir aquilo que os amigos fazem. Se forem bem guiados pelos pais, podem tornar-se pessoas muito motivadas e com espírito de liderança.

Mas até a recompensa chegar, esperam-te muitos anos de discussões em que o teu filho quer sempre levar a sua avante.

Também vais gostar destes:
Fotos puras e genuínas que mostram o amor entre pais e filhos, no reino animal!
Aos pais e filhos que não conseguem dizer “eu amo-te”

O segredo está na comunicação: ouve o teu filho e tenta encontrar alguma lógica nos seus ideais para negociares e fazeres cedências. Partilha esta informação com teus amigos e familiares que tem um filho teimoso! Podes ajudar eles com essa informação!