É importante percebermos até que ponto há ligações entre o futebol e o mundo do crime. Nós não nos podemos conformar com a ideia de que o futebol português se transformou num jardim zoológico liderado por macacos”, disse Rui Santos, num comentário à Operação Félix e ao líder dos Super Dragões, Fernando Madureira, conhecido como “Macaco”.

O comentador teceu considerações polémicas, durante o Tempo Extra, afirmando que que “há coação” e um “assalto às sedes de decisão”, praticados por “pessoas que deveriam estar atrás das grades”.

Segundo ele, existem ligações evidentes, permitidas e até promovidas pela Federação Portuguesa de Futebol.

“Nós não nos podemos conformar com a ideia de que o futebol português se transformou num jardim zoológico liderado por macacos. Não podemos consentir isso. Em absoluto. Não podemos achar que as claques mandam no futebol português e nos clubes, e tudo isto com a conivência do Estado e da Federação”.

Também vais gostar destes:
Soberba atitude do melhor jogador de futebol do mundo: CRISTIANO RONALDO.
Jogador Hulk apresenta filha adoptiva; declaração de amor é de derreter o coração!

Tem de haver coragem, não ter medo. O Estado não se pode esconder. Saiam das zonas de conforto, porque um dia vai acontecer algo muito mau, se não se travar a ideia de impunidade”, afirmou Rui Santos.

Vê o vídeo:

 

FONTESic noticias

Partilha
Loading...