Já não tenho lágrimas. Para ti não as tenho.

Tenho o amor. Mas o amor de um só lado não chega, pois se chegasse nós estaríamos juntos nesse momento.

Sempre me disseram que quem trai uma vez, trairá sempre. Mas então como poderei eu amar alguém que trai?

Também dizem que não escolhemos quem amamos. É verdade. Mas escolhemos quem nos faz e fará felizes. Tu consegues fazer-me feliz se realmente quiseres. Mas quando vais querer eu não sei. Eu já não choro. Já desisti de chorar.

Se eu tivesse coragem faria o mesmo que tu, mas não tenho essa coragem, não sou essa pessoa e não quero ser. Eu não te quero perder. Mas também não te quero ter, não pela metade, se é que te tenho de todo.

Ninguém te tem, não de verdade. Mas como podes dizer que me amas se não aceitas te entregar a mim?

Como podes dizer que me amas se continuas te afastando de mim quando eu te amo tanto, tão intensamente. Como? Não sei. Ilusório. Utópico. Irreal.

Por não te ter não me tenho. Desapareço a cada dia que passa e não sei me encontrar.

Quanto tempo mais precisas para perceberes que eu sou tudo o que tu precisas?

Eu seria tudo o que tu precisas, em todo o lado, se me deixasses, se me quisesses, mas não me queres, essa é a verdade.

Também vais gostar destes:
Noivo admite que ama outra e a noiva começa a chorar quando ele aponta para essa convidada.
Vais chorar de rir com estas fotos de bebés. A nº 3 é ótima!

Queres alguém, que te dê algo, seja quem for, seja o que for.

Mas eu não dou algo. Quando eu amo, eu dou tudo.

E talvez isso seja demais para ti.

TEXTOJ.


 
Partilha