Tenho de me lembrar de mim, de vez em quando;

Tenho que me lembrar de cuidar de me aconchegar, me amar,

Mais do que qualquer outra pessoa no mundo.

Mas sobretudo tenho de me pedir desculpa por todas as vezes que não acredito em mim mesma e me maltrato, perseguindo a felicidade.

Não há nada mais bonito do que uma mulher quando se levanta após mais uma queda depois da tempestade.

Ela volta mais forte e mais bonita do que antes.

Com alguma cicatriz a mais no coração, sob a pele…

Mas com vontade de rachar o mundo….só com um sorriso.

Ninguém nasce com mapas, todos nós num determinado momento da vida…

Escolhemos caminhos desconhecidos, inspirados por uma ideia como se fosse a estrela do norte, com a eterna incógnita do ponto de chegada.

De vez em quando olha-se para trás, com saudades dos lugares passados,

Os lindos, que te arrancam sorrisos e os feios, que te feriram o coração por momentos,

Mas que te empurram para a frente e que são a verdadeira coragem que te permite atravessar essa floresta …a que damos o nome de Vida.

TEXTOIsabel Teixeira

Partilha