Um estudo constatou que morar junto ao mar reduz o stress psicológico. Segundo o estudo desenvolvido na Universidade de Exeter, na Inglaterra, conduzido pela epidemiologista Lora Fleming, o ambiente à beira-mar pode reduzir o stress e estimular a actividade física, proporcionando melhor qualidade de vida, promoção da saúde e bem-estar.

O estudo apurou também que as pessoas têm até a sensação de serem mais saudáveis quando vão às praias. Além disso, a maioria dos participantes da pesquisa, realizada na Europa, mostrou-se disposta a pagar mais caro por uma acomodação com vista para o mar quando visitam as cidades costeiras.

De acordo com os pesquisadores, a menor parte das pessoas se importa com as ameaças encontradas no litoral, como problemas de saneamento básico, tempestades, tsunamis e outros fenómenos.

Os benefícios trazidos pelo mar não se restringem à população mais rica. Pelo contrário: de acordo com o estudo, as pessoas mais pobres assimilam um maior bem-estar quando estão em contacto com a praia, e os efeitos são mais latentes ainda nas comunidades desfavorecidas social e economicamente, como os pescadores.

Também vais gostar destes:
Conhece o motivo pelo que deves começar a beber água antes de ires dormir.
Javalis que invadiram a praia da Arrábida e Caparica responsáveis pelo roubo de Tancos

O estudo reúne uma série de dados e foi apresentado durante uma conferência sobre avanços científicos na Europa. Desde o século XVIII, médicos indicavam banhos de mar aos pacientes para o tratamento de várias doenças.

Segundo o site Mother Nature Network, a equipa vem concentrando seus esforços para analisar os efeitos fisiológicos surtidos pelo contacto com o litoral.
FONTECiclovivo

Partilha