Tess Talley, a mulher que publicou uma foto viral após matar uma girafa afirma que está “orgulhosa”. Ela gerou grande controvérsia ao partilhar a foto posando com a girafa negra que tinha caçado na África do Sul.

A publicação gerou uma onda de indignação mundial. Um ano depois, a mulher diz que está “orgulhosa de caçar” e que continuará a praticar “um hobby que ama”.

Numa entrevista à CBS News, Tess Talley argumentou que a morte polémica da girada era parte de uma caçada com o objectivo de gerir a quantidade de vida selvagem numa determinada área.

Mulher que publicou foto viral por matar girafa

Além disso, reconheceu que tinha feito almofadas decorativas com a pele da girafa morta:

“Todos acham que a parte mais fácil é puxar o gatilho, e não é “, disse.

Questionada se em vez de caçar seria melhor optar por doar dinheiro para os esforços de conservação não letal, Talley respondeu que ”prefiro fazer o que gosto, em vez de simplesmente doar uma quantia de dinheiro não saber em particular para onde está a ir essa ajuda”.

Quando questionada sobre a satisfação que aparentava ter nas redes sociais após matar a girafa, Talley respondeu:

“As fotos são uma tradição que os caçadores têm muito antes das redes sociais…”