Se tiveres chamadas não atendidas de números estrangeiros, cuidado, porque tudo pode não passar de burla.

Se desconheces o número, não devolvas a chamada. O que os burlões fazem é dar dois toques à espera que retribuas a chamada, se o fizeres, é cobrado o valor de uma chamada internacional.

Polónia (+48), Tunísia (+216) e Mónaco (+ 377) são alguns dos países de origem das chamadas, mas sempre com números diferentes. Logo, bloquear os números não resolve o problema, nem o operador pode impedir a a totalidade de chamadas internacionais, afinal, não é possível distinguir uma chamada legítima de uma fraudulenta.

Mas ao devolveres a chamada estás a gerar tráfego para esse destino. Uma situação que poderá configurar o que os especialistas designam de Wangiri, termo japonês que significa one ring and cut, ou seja, entidades fraudulentas detentores de números internacionais, incentivam a geração de tráfego através de chamadas fantasmas massivas e aleatórias, recebendo parte da receita do tráfego terminado nesses destinos.

Também vais gostar destes:
Dentista inventa aparelho que melhora “Chamadas para BRUXELAS”!
Pediatras alertam sobre a radiação nos telemóveis e o risco de cancro nas crianças.

O conselho que vos podemos dar é que tenham cuidado com as chamadas efetuadas, sobretudo quando estão envolvidos indicativos internacionais.

Pesquisa sempre na internet antes de efetuar algo e mais tarde venhas a dar conta que foste tão somente vitima de burla.
FONTEPortal da queixa