O que acontece se a porta de um avião se abre durante o vôo?

Depende da altura em que está o avião. Quanto mais alto, maior é a diferença de pressão e temperatura dentro e fora do avião, porque a cabine tem um mecanismo de pressurização, que mantém a temperatura estabilizada em 22 ºC e a pressão do ar semelhante à do nível do solo. Portanto, quanto mais longe do chão, piores podem ser as consequências para os passageiros e tripulantes.
A sorte de quem estava no avião da TAM que perdeu a porta dianteira durante o vôo em Agosto de 2006 foi justamente que ele ainda estava descolando – portanto, estava a apenas um quinto da altura que costuma atingir durante o vôo.
A temperatura do ar que tomou conta da cabine era de 20 ºC e a pressão não era baixa o suficiente para causar problemas graves. Mesmo assim, alguns passageiros sofreram problemas de pressão sanguínea, e uma hospedeira que estava perto da porta teve que se segurar em uma poltrona para não ser arrastada para fora do avião.
Na mesma hora o piloto deu meia-volta e retornou ao aeroporto, evitando problemas maiores. Mas a coisa podia ter ficado feia se a aeronave estivesse no seu teto de vôo (a altura máxima que atinge).
A hora do espanto
Até 3 mil metros, o pior da entrada de ar é o susto. Mas, a partir daí…

NÍVEL 3 – 11 mil metros

Velocidade entre 800 e 1 000 km/h, temperatura externa de 34 ºC negativos e a pressão do ar equivalente a um quarto da do nível do solo. A abertura da porta faz as pessoas sentirem muito frio e extrema dificuldade para respirar. Enquanto o ar externo entra na cabine, o interno, com a pressão bem mais alta, sai de uma só vez – como quando estouramos uma bexiga -, “cuspindo” pessoas e objectos para fora do avião
O que o piloto faz? Desce o máximo possível. As máscaras mantêm as pessoas respirando por 15 a 20 minutos.

NÍVEL 2 – 1 800 metros
O avião da TAM estava nessa altitude,a 350 km/h, a temperatura do lado de fora era apenas 2 ºC menor do que a da cabine e a pressão interna era parecida com a pressão externa. Com a abertura da porta, a cabine é tomada pelo ar de fora, mas só a partir de 3 mil metros a pressão dele é baixa o suficiente para causar rompimento dos tímpanos, náusea e dor de cabeça.
O que o piloto faz? – Prossegue para o aeroporto mais próximo.

Também vais gostar destes:
Engenheiro cria cabine descapotável que promete salvar passageiros de avião em caso de acidente!
Estadia e voo para Maiorca por apenas 88€ ! É ou não um espetáculo?

NÍVEL 1 – No chão
Mesmo que o avião atinja 240 km/h, a velocidade máxima antes de sair do chão, nada de grave pode acontecer. No máximo, o vento faz voar objectos leves próximos da porta. Afinal, no solo, a temperatura e a pressão dentro e fora do avião são iguais – no nível do mar, a pressão é de 1 quilograma-força por cm2 e é um pouquinho menor em cidades mais altas
O que o piloto faz? – Interrompe a descolagem.

Artigos Relacionados

Últimas

José Castelo Branco fica abalado com medida drástica tomada por Betty.

José Castelo Branco está abalado com medida drástica tomada por Betty.A pós 30 anos ao lado de Betty, José Castelo Branco vê a sua...

Em fim de semana de gala dupla, os espectadores mostram apoio a Catarina Miranda: “Sozinha dá conta dos outros todos!”

Em fim de semana de gala dupla, os espectadores mostram apoio a Catarina Miranda. O Big Brother promete agitar o público com duas galas...

A Ferver

José Castelo Branco fica abalado com medida drástica tomada por Betty.

José Castelo Branco está abalado com medida drástica tomada por Betty.A pós 30 anos ao lado de Betty, José Castelo Branco vê a sua...

Em fim de semana de gala dupla, os espectadores mostram apoio a Catarina Miranda: “Sozinha dá conta dos outros todos!”

Em fim de semana de gala dupla, os espectadores mostram apoio a Catarina Miranda. O Big Brother promete agitar o público com duas galas...