Um jovem de nacionalidade australiana precisou ser internado após ser atacado por um parasita do mar que se alimenta de carne humana.

De acordo o Daily Mail, Sam Kanizay, de 16 anos, estava a jogar futebol, quando foi ao mar para se poder refrescar. Ao sair da água, deu conta que  os seus pés e tornozelos estavam a sagrar abundantemente.

No hospital, os médicos não faziam ideia do que poderia ter causado os ferimentos. De acordo com o pai de Sam, Jarrod Kanizay, ele precisou tomar uma atitude. Foi até a praia com uma rede cheia de carne.

Lá, capturou crustáceos minúsculos que, segundo a imprensa estrangeira, são chamados de piolhos do mar. As s criaturas suspeitas aparecem a devorar os pedaços de carne.

Parasita do mar
Parasita do mar
O cientista marinho Dr. Genefor Walker-Smith examinou as criaturas e descobriu, no entanto, que eram pulgas do mar.
Para ele, as pulgas foram atraídas por um corte aberto em Sam ou ele andou perto de uma carcaça de peixe onde os bichos estavam.

Também vais gostar destes:
Se vires isso na praia, não te aproximes e chama os nadadores-salvadores.
Praia de Sesimbra interdita a banhos devido a bactéria!

Elas estão lá o tempo todo, podes colocar um pedaço de carne na água, em qualquer lugar, eles o encontravam”, explicou ao Fairfax Media.

FONTEMetrópoles

Partilha