Os prazos de validade são uma mentira para que nós clientes possamos gastar mais dinheiro, afinal ninguém melhor que nós para avaliar se a nossa comida ainda está boa ou não e a qualidade da mesma!

Muitas vezes deitamos ao lixo comida que  está perfeita para ser consumida.

O Conselho nacional de defesa dos recursos francês indica que os prazos de validade não são medidas fiáveis para determinar se a comida está boa ou não.

Pelo contrário, essas datas estão lá para indicar o momento de frescura máxima. Então, como verificar se os nossos alimentos devem ou não ir para o lixo?

É isso que te explicamos a seguir:

Ovos:
Colocar o ovo numa tigela com água fria. Se ele afundar, está bom. Se flutuar, está estragado.

Queijo:
O odor é o melhor indicador de frescura. Os queijos suaves conservam-se melhor do que os queijos duros.

Leite:
Para o pão, basta uma fatia com bolor para se tornar aconselhável deitar o pão inteiro fora.

Carne crua:
Uma mudança de cor, uma textura pegajosa ou viscosa. Não arrisques.

Marisco:
Um peixe com uma textura escorregadia, deve ser posto fora.

Charcutaria:
O odor; fiambre estragado… Nota-se logo.

Também vais gostar destes:
Verdade e mitos sobre os prazos de validade dos alimentos.
Pessoas que recebem alimentos doados deitam-os ao lixo!

Azeite:
O Chefe Marcus Samuelsson escreveu no seu website que, um bom azeite, deve estar cheiroso e frutado.

FONTEMA FOURCHETTE

Partilha