Salvador não resistiu e faleceu depois de tanto lutar. O “super herói” lutou 3 anos contra um neuroblastoma, um cancro que atinge a glândula suprarrenal, falecendo no dia de hoje.

Na página de apoio no Facebook pode ler-se o seguinte:

“É com uma tristeza profunda e um coração dilacerado que fazemos esta publicação. O nosso Super Herói partiu esta madrugada após uma luta de 3 anos contra um neuroblastoma.

O Salvador sorriu sempre, o Salvador brincou até não mais poder, o Salvador conseguiu retirar alegria em todos os momentos da sua vida, mesmo nos mais dificeis.

O Salvador foi/é um verdadeiro super herói que nos ensinou como se vive de verdade. Essa foi a sua missão no mundo: Viver com alegria e sempre com um sorriso. É assim que queremos recordar o nosso menino, com um amor gigante pela vida e com o sorriso mais brilhante que qualquer estrela no céu”, lê-se na publicação.

Salvador não resistiu

As cerimónias fúnebres serão amanhã “no centro funerário de Cascais -Alcabideche, junto ao cemitério de Alcabideche com a missa a iniciar às 17.30 horas”.

“Os pais pedem a quem queira prestar a sua homenagem, que não se vistam de preto”.

Salvador era sócio do Benfica desde a primeira semana de vida e teve o apoio do clube encarnado ao longo desta luta e o Benfica emitiu uma nota de condolências a lamentar a morte do jovem Salvador.

“O Sport Lisboa e Benfica endereça as mais profundas condolências à família e amigos do jovem Salvador, o Super-Herói, que faleceu na última madrugada após uma luta de 3 anos contra um neuroblastoma.
Salvador partiu muito precocemente, mas viveu intensamente o Sport Lisboa e Benfica e irá ser recordado como um exemplo ímpar como ser humano.”
, lê-se.

Partilha