Existem três truques de ouro que te ajudarão a parar de gritar com os teus filhos.

A verdade é que os nossos filhos não tomaram a decisão de serem trazidos ao mundo, por isso é nossa responsabilidade assumir a pressão. Estes três truques vão ajudar-te a não voltar a gritar nunca mais.

1. Estabelece quais são as situações que te fazem perder o controle:

Se por acaso odiamos o volume da música ou os maus resultados académicos, temos de estar mentalmente preparados para encarar uma situação que afeta negativamente o nosso ânimo. Esta preparação mental permitirá reagir de uma forma mais razoável frente à surpresa que podemos levar por parte do nosso filho.

2. São os teus filhos, não os teus sucessores, tem expectativas razoáveis:

É certo que nos orgulhamos deles, mas colocá-los na aula de futebol, karaté, piano ou balé, não garante que eles devam ter talento para estas disciplinas. Não devemos carregar sobre os ombros dos nossos filhos as frustrações da nossa própria infância.

Também vais gostar destes:
Não é só a educação dos filhos que é necessária, a dos pais também.
Apaixonante para mim é o homem que trata com educação o empregado de mesa

3. Conta até 10:

Também fomos exasperante na idade deles, a energia física e a curiosidade que as crianças têm muitas vezes chega a nos deixar loucos. No entanto, se tirares um tempo para pensar que os nossos pais enfrentaram exatamente a mesma situação e, graças à sua paciência somos o que somos hoje em dia, saberás que tens o controle da situação.

FONTEPerfeito